sábado, 10 de novembro de 2018

HQ - Turma do Morro - Ilustrações de Gabriel Jardim

Divulgação/Ilustrações de Gabriel Jardim

Série "Turma do Morro" retrata os moradores do Bairro do Limoeiro inspirados na cultura do funk e da favela

DJ Cebola, MC Cascão, Monicat e Maga Li, respectivamente, inspirados por Mauricio e com traços de celebridades da cena funk

O quadrinista Gabriel Jardim viralizou nas redes sociais ao postar sua nova série de ilustrações, batizada de “Turma do Morro”, na última segunda-feira (05). Nela, o artista apresenta os personagens do Bairro do Limoeiro, criados por Maurício de Sousa e queridos por diversas gerações de brasileiros, como jovens de comunidades periféricas, trazendo à tona temas como funk, favela e representatividade.

Celebridades da cena funk serviram como modelo para a composição de seus personagens. A carioca Anitta, por exemplo, foi inspiração para Monicat, versão “funkeira” da líder da turminha mais famosa do Brasil. Já Maga Li foi baseada na MC Pocahontas. DJ Cebola e MC Cascão foram desenhados a partir do estilo de DL Kalfani e MC Guimé, respectivamente.

Nascido em Tübingen, na Alemanha, Gabriel Jardim se mudou ainda criança para João Pessoa, na Paraíba, onde ainda reside. Formado em Comunicação em Mídias Digitais pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), o artista chegou a se tornar o assunto mais comentado no Twitter brasileiro na última segunda-feira (05).

Repercussão é inesperada, segundo artista

“A repercussão está gigantesca, o que eu não esperava nem um pouco. Fiz as ilustrações de maneira despretensiosa, só por diversão, por investigação criativa, mesmo”, conta Jardim, de 24 anos, ao Sistema Verdes Mares.

Inspirado pelo sucesso de artistas como Gabriel Picolo, responsável pela série que caracteriza os personagens Jovens Titãs em situações casuais, e por Wagner Loud e LØAD, autores de ilustrações que retratam rappers brasileiros como super-heróis, Jardim passou a considerar “dar vida” à mistura de universos fictícios e ambientes reais.

“Pensei em unir dois dos maiores ícones do Brasil, que são o Maurício de Sousa, nos quadrinhos, e a cultura do morro, da favela e do funk, que abrange o País, de maneira geral”, afirma o quadrinista.

Sobre a continuidade do projeto, Jardim mostra-se empenhado em sua produção. “Já comecei a publicar a segunda leva dos desenhos, tenho mais dois (desenhos) planejados”, anuncia, para a alegria dos novos fãs.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lançamento - Livro Dragões do Futuro - Editora Kimera

Dragões do Futuro é uma história em quadrinhos do desenhista Vanderlei Sadrack que saiu em formato de livro pela editora Kimera. ...